Reprodução Humana

Nosso serviço possui médicos especializados no diagnóstico da infertilidade do casal.

Tratamentos com procedimentos de Coito programado, Inseminação Intra Uterina, Fertilização in Vitro, bem como congelamento de óvulos para preservação da fertilidade.

Coito Programado

Trata-se de uma técnica de baixa complexidade em que a ovulação da mulher é estimulada com hormônios (indutores de ovulação) e monitorada através de ultrassom com intuito de se obter mais óvulos, e a relação sexual é programada para o período de maior fertilidade da paciente. O processo de fertilização ocorre naturalmente nas tubas uterinas.]

O tratamento basicamente tem início no segundo ou terceiro dia do ciclo, quando a mulher ainda está menstruada. Neste momento, é realizado o primeiro ultrassom transvaginal. A paciente não deve ficar preocupada com o desconforto do sangue menstrual, pois os médicos estão acostumados a realizá-lo nessa fase. Esta fase inicial é importante, pois o exame diagnostica se o ovário tem algum cisto remanescente do ciclo menstrual anterior e se no interior do útero existem pólipos, miomas ou tecido endometrial em excesso, o que poderia alterar as taxas de sucesso.

Inseminação Intra Uterina

O procedimento consiste na introdução do esperma capacitado dentro da cavidade uterina da mulher quando ocorre a ovulação. É utilizada quando o volume ou a concentração dos espermatozóides não são suficientes ou quando a mobilidade dos gametas decresce. Esta técnica também pode ser usada quando o muco cervical apresenta problemas. Em geral, neste procedimento, recomenda-se também o estímulo da ovulação na mulher como forma de potencializar os resultados. A taxa de sucesso da inseminação artificial depende muito das causas de infertilidade diagnosticadas. É essencial a permeabilidade em pelo menos uma das trompas, assim como um número mínimo de espermatozoides, para que a técnica funcione.

É um procedimento indolor realizado em consultório, ambulatorialmente, após o preparo do sêmen em laboratorio de infertilidade especializado. É necessária a indução da ovulação por meio de medicamentos apropriados e acompanhamento ultrasonográfico frequente, onde será determinado o melhor momento para se fazer a inseminação.

No dia do procedimento, o parceiro deverá colher o material em laboratório, onde será processado, e a melhor amostra será separada para a inseminação no consultório.

A mulher não necessita de preparo especial no dia, devendo apenas comparecer na data e horários combinados.

Fertilização in Vitro

A fertilização in vitro, também conhecida por suas iniciais “FIV” é o tratamento de reprodução humana realizado com mais frequência em nossas clínicas por ser atualmente a opção da medicina reprodutiva que oferece mais chances de gravidez para aqueles que enfrentam dificuldades para engravidar após um ano de tentativas a partir dos 35 anos.

O tratamento consiste em realizar a fecundação do óvulo com o espermatozoide no laboratório de embriologia; um processo in vitro que requer o cultivo em laboratório para permitir a observação do correto desenvolvimento dos embriões e posterior transferência ao útero materno para a confirmação da gravidez.

Congelamento de Óvulos

A técnica de congelamento consiste no resfriamento dos óvulos e preservação em nitrogênio líquido, o que garante armazenamento dos mesmos por anos. Ela é indicada para mulheres que desejam engravidar futuramente, preservar a fertilidade ou garantir óvulos caso tenham histórico familiar de menopausa precoce.

O congelamento de óvulos é também indicado para pacientes que estejam passando por tratamento oncológico, uma vez que a radioterapia e a quimioterapia podem comprometer a fertilidade dos mesmos.